O número de brasileiros que viajam ao exterior cresceu cerca de 7% ao ano, entre 2009 e 2013, de acordo com o último levantamento da Finaccord, líder mundial em pesquisas do mercado. Durante este período, as viagens de férias tiveram aumento de 7,9% ao ano, frente ao crescimento de 3,7% de viagens de negócios.

Ainda segundo a Finaccord, se apenas o ano de 2013 for considerado, é estimado que viagens de férias representem 81,5% do total de viagens, motivadas também por estudos, visitas a amigos e parentes. Janeiro, dezembro e julho são, respectivamente os meses que registram o maior aumento de viagens de brasileiros para o exterior.

Em levantamento da Organização Mundial do Turismo (OMT), os dois destinos preferidos pelos brasileiros, EUA (22,6%) e Argentina (15,4%), somam quase 40% do total de viagens. E quando se trata de Europa, Portugal (6,1%) e França (5,7%) são os mais populares.

Gastos no exterior chegam a US$ 2 bilhões

Só no mês de junho, o turista brasileiro gastou um total de US$ 2 bilhões em viagens para o exterior. Já os estrangeiros movimentaram US$ 797 milhões no Brasil no mesmo período. Os dados pertencem ao Banco Central e foram divulgados no jornal Valor Econômico.

Diante da discrepância entre os gastos dos brasileiros no exterior e dos estrangeiros no Brasil, a conta de viagens internacionais ficou negativa em US$1,204 bilhão no sexto mês do ano. No balando geral, a projeção do Banco Central para 2014 é de que o gasto com viagem internacional atinja a marca dos US$18,5 bilhão.

Fonte: Porto Gente e Valor Econômico