Despois de curtir uma onda gótica no Wave-Gotik-Treffen em Leipzig, segui pra Berlim pra conferir o Karneval der Kulturen (Carnaval das Culturas), que acontece todos os anos durante o feriado de Pentecostes. São quatro dias de festa na ruas do bairro Kreuzberg. Também é uma boa oportunidade de provar sabores de diferentes países ou saciar o apetite pelos já conhecidos.

02 - Mundo Afora - KDK - Berlin - xerez
Foto: Arquivo pessoal Eduardo Xerez

No domingo, pelo meio dia, começa o desfile dos blocos. São dezenas de blocos, entre escolas de samba, blocos tradicionais de diversos países, carros de música eletrônica e vários outros.

O mundo em um só lugar - Carnaval das Culturas - Eduardo  Xerez - Mundo Afora
Foto: Arquivo pessoal Eduardo Xerez

Pontualmente, depois da viagem de cerca de duas horas e meia de ônibus até Berlim, tomei o metrô e desembarquei na estação Hermannplatz. A multidão aos pés da escada rolante, ansiosos pra sair da estação, já me dava um sinal de como estaria o cenário lá em cima. Kreuzberg, cheguei! Aliás, chegamos. Eu e minha gang. Hehehe… E lá estávamos nós, no meio do furdunço. Que maravilha! O sol brilhava, aliviando os efeitos daquele vento incômodo. Dali eu já ouvia batucadas e meus genes reagiam instintivamente. Eu quero é me jogar no samba! Agora era só ajudar Letícia a montar sua produção de rainha de bateria, no meio da praça!

03 - Mundo Afora - KDK - Berlin - xerez
Foto: Arquivo pessoal Eduardo Xerez

Ainda na concentração vimos a saída de blocos como a escola de samba Anaconda ou o Maracatú Treffen. Ou também um bloco cantando mantras Hare Krishna. Até a escola de samba Verde e Branco nos contagiar e nos levar junto. Nem uma chuvinha aqui, acolá durante o percurso tirou nosso ânimo. Éramos pura energia.

04 - Mundo Afora - KDK - Berlin - xerez
Foto: Arquivo pessoal Eduardo Xerez

Em algum momento decidimos parar pra ver a passagem dos blocos que vinham atrás. Foi simplesmente incrível perceber nossa capacidade humana de em questão de minutos curtir intensamente desde uma batida angolana, um ritmo agitado indiano, a sons andinos. Sem contar nos últimos blocos, arrastando multidões com música eletrônica. Ao cair da noite, pelas 21 horas, o desfile ‘tava acabando… Mas a festa não!

05 - Mundo Afora - KDK - Berlin - xerez
Foto: Arquivo pessoal Eduardo Xerez

Leia também:


Dado Xerez
Dado Xerez é mestrando, graduado em História da Arte e Ciências da Cultura pela Universidade de Leipzig, na Alemanha, onde trabalha como Mediador Cultural. Sua grande paixão é viajar pelo mundo, colecionando novas histórias e aprendendo com cada lugar. Já visitou até então mais de 70 países e, além da Alemanha, já viveu na Nova Zelândia, Malta e Camboja. Hoje conta suas aventuras na coluna Mundo Afora, aqui no Press Abroad. Fascinado por comunicação, ele domina com fluência o Alemão, Inglês, Italiano e Português e ainda desenrola no Russo, Francês e Espanhol.