As praias da Irlanda podem não ser das mais quentes, mas a natureza caprichou para atrair turistas durante todas as estações do ano. Os lugares reservam surpresas para quem gosta de relaxar, caminhar, fazer trilha ou praticar esporte. O melhor é que são locais de fácil acesso. Do centro de Dublin saem ônibus e Dart, o trem da região costeira da cidade. Assim, a viagem é rápida e barata para que você possa conhecer mais de um lugar. Nós selecionamos cinco que vão marcar sua viagem de passeio ou intercâmbio na Irlanda.

1 – Portmarnock

Foto: Portmarnock, Shutterstock

Portmarnock está situado ao norte da cidade de Dublin, no Condado de Fingal, a aproximadamente 18 quilômetros do centro de Dublin. Portmarnock é uma praia muito popular para nadar, tomar banho de sol e fazer passeios a cavalo. Os cinco quilômetros de comprimento da praia se estendem para Baldoyle e praia de Malahide. O local proporciona uma bela vista das montanhas de Dublin e Howth Harbour. Em dias claros, especialmente nos fins de semana, é possível ver os iates no mar. Ao longo da praia há um caminho que leva até Malahide e é usado por muitas pessoas. É uma ótima opção para quem quer fazer exercícios, caminhar, andar de bicicleta, ou até mesmo patins, curtindo uma praia.

O campo golfe também faz Portmarnock conhecida. Esse campo de golfe foi construído em torno da antiga casa da família Jameson e formalmente inaugurado em 26 de dezembro de 1894.

2 – Malahide

Foto: Malahide, shutterstock

Malahide faz parte do condado de Dublin. Localizada a 16 quilômetros do centro da capital irlandesa, a região reúne beleza natural e história de forma harmoniosa. O Castelo de Malahide é a principal atração. É possível participar das visitas guiadas com tradução em várias línguas. Os jardins são inspiração para quem quer relaxar.

A área do castelo tem 250 hectares de terra do parque na vila costeira de Malahide, era uma fortaleza e uma casa privada com cerca de 800 anos. Uma mistura interessante de estilos arquitetônicos. A família Talbot viveu aqui 1185-1973, quando o último Talbot morreu. A casa está decorada com móveiso de época, juntamente com uma extensa coleção de pinturas irlandeses.

3 – Dún Laoghaire

Foto: Dún Laoghaire, arquivo Press Abroad

Uma caminhada rápida ou um passeio romântico são ótimas opções para quem quer inspiração ou simplesmente apreciar as vistas incríveis ou Baía de Dublin e Dalkey Island. Todo os anos, cerca de 1,3 milhões de pessoas passam pelo pier de Dún Laoghaire, que fica a cerca de 11 quilômetros do centro de Dublin.

Historicamente Dún Laoghaire é uma “Porta para a Irlanda”. O nome é a tradução de Irish Fort (DUN) de Laoghaire. Era uma vez a sede do Rei Laoghaire, o antigo Grande Rei da Irlanda antes dos Vikings que navegavam da Escandinávia e se estabeleceram em Dublin.

4 – Howth

Foto: Lighthouse, reprodução

O nome Howth é de origem nórdica, derivado da palavra dinamarquesa Hoved (que significa “cabeça”). Os vikings dinamarqueses colonizaram as costas orientais da Irlanda e construiram a cidade de Dublin como base estratégica entre a Escandinávia e o Mediterrâneo.

O lugar proporciona uma caminhada sobre falésias. Com as suas vistas panorâmicas incríveis, é possível ver ao norte as montanhas de Mourne de County Down, ao sul o verde das Montanhas Wicklow e à frente a cidade de Dublin e a sua baía.

5 – Killiney

Foto: Killiney, reprodução

Killiney é uma vila costeira, localizada ao sul da cidade de Dublin. Conhecendo o lugar, não é difícil entender por que alguns irlandeses ricos e famosos fizeram dela a sua casa. É ali que Bono, Enya e Van Morrison costumam ficar em Dublin. A área tem sido comparada a da Baía de Nápoles. A praia é um ótimo lugar para caminhar e relaxar. Já o Killiney Hill Park fica a 170 metros acima do nível do mar no seu ponto mais alto e uma paisagem incrível para quem quer se encantar com as belezas naturais da Irlanda.

Leia Também:

Estamos nas redes sociais. Siga-nos!
Então curta nossa página no facebook | Siga no Twitter @pressabroadpt
Se escreve no canal no YouTube | Confira também o Instagram


Marciéli Palhano
Jornalista brasileira, nômade por natureza. Adora conhecer pessoas, histórias e lugares diferentes. Se tiver comida boa, uma bela paisagem e gargalhadas, não precisa de mais nada. Diagnosticada com doença celíaca e intolerâncias alimentares, criou o projeto Zero Gluten & Lactose: www.zeroglutenlactose.com